fbpx
Política

Ex-desembargador reafirma pedido de prisão de Moraes

Durante a Comissão de Transparência, Fiscalização e Controle do Senado, o ex-desembargador federal Sebastião Coelho reafirmou que o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), deve ser “preso”. Em 20 de novembro, Coelho falou que a “solução era prender” o magistrado.

“Na semana passada, participei de um evento e pedi a prisão do Moraes”, disse Coelho, nesta quarta-feira, 30. “Não tenho redes sociais, mas minha filha me disse que alguém poderia me dar três dias para me retratar em público. Estou aqui reafirmando o que eu disse, em vez de me retratar.”

O ex-desembargador ainda propôs ao Senado que se reúna com os 11 ministros do STF para pedir o encerramento do inquérito das “fake news” e dos “atos antidemocráticos”. “Isso tem de ser entregue ao Ministério Público”, declarou. “Mas o Senado precisa fazer essa proposta.”

É possível que os ministros não aceitem a proposta dos senadores, segundo Coelho. “É consenso nacional que o senhor Alexandre de Moraes já praticou muitos crimes”, afirmou. “Ele exerce a função de promotor de Justiça, de procurador da República, de juiz de Direito ou de delegado de polícia. Isso é usurpação de função pública.”

*Com informações da Revista Oeste


Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo
Translate »
Brasil 200 anos Brasil luta pela liberdade Séries Netflix tem mais de 1 bilhão de horas assistidas Emancipation – Uma História de Liberdade Wandinha Episódios