fbpx
ModaNews

Balenciaga que pertence a Gucci perde milhões de dólares e fans por envolvimento com a pedofilia

Compartilhar

Pertence ao Grupo Gucci desde 2001, Balenciaga é uma casa de moda criada pelo estilista espanhol Cristóbal Balenciaga, considerado o arquiteto da alta costura pelo seu amplo conhecimento na confecção dos trajes e utilização de linhas puras contando ainda com o perfeccionismo, que era sua marca.

A marca de luxo está sendo acusada de fazer apologia à pedofilia em suas campanhas de moda.

Se você é o tipo de pessoa que gosta de acompanhar o mundo da moda, provavelmente deve ter ouvido falar das acusações de apologia à pedofilia que a marca Balenciaga está enfrentando, após a divulgação de sua linha especial de fim de ano. Contudo, com tantas informações surgindo, fica um pouco difícil entender o que de fato está acontecendo. 

A polêmica envolvendo a marca começou no dia 16 de novembro, data que marca o início da divulgação das fotos da campanha nas redes sociais da empresa. Desde esse primeiro momento, diversos internautas apontaram como elementos, nas imagens compartilhadas, tinham cunho sexual.  

As fotos da campanha em questão mostram crianças em cômodos residenciais, rodeadas de itens da grife Balenciaga, sendo algum deles bebidas alcoólicas e adereços sexuais. Enquanto seguram bolsas em formatos de ursinhos, que estão vestindo roupas que fazem referência à práticas de sadomasoquismo.  

As imagens foram feitas pelo fotógrafo italiano Gabriele Galimberti, conhecido por fotografar pessoas em suas residências, com objetos pessoais e do cotidianos delas. Ele até mesmo produziu um ensaio intitulado de “Toy Stories” (Histórias de Brinquedo), em que retrata crianças em seus quartos, com seus brinquedos, igualmente como nas fotos da Balenciaga. 

No entanto, as críticas à marca começaram a ganhar força após uma publicação feita nas redes sociais da youtuber norte-americana June Nicole Lapine, em que ela também apontava como as fotos faziam apologia à pedofilia. Depois da postagem dela, a polêmica passou a ser ainda mais compartilhada.  

Entretanto, com um olhar mais apurado, o público também começou a notar alguns detalhes ainda mais estranhos em outras propagandas da Balenciaga. Especialmente na linha RESORT 2023, uma colaboração entre a Balenciaga e a Adidas. 

Print Friendly, PDF & Email

Paulo Fernando de Barros

CEO em BAP Duna Gruppen, fundador e editor em Duna Press Jornal e Magazine.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo
Translate »
Brasil 200 anos Brasil luta pela liberdade Séries Netflix tem mais de 1 bilhão de horas assistidas Emancipation – Uma História de Liberdade Wandinha Episódios