fbpx
News

Lei do batimento cardíaco já salvou milhares de vidas humanas no Texas

Nos Estados Unidos o aborto é legalizado desde 1973, mas cada Estado tem autonomia para regulamentar o procedimento. A nova legislação do Texas sobre o tema é considerada a mais restritiva do país desde a legalização.

Ela prevê a proibição do aborto depois da detecção dos batimentos cardíacos do feto, algo que coincide com as 6 semanas de gestação — período em que muitas mulheres nem têm conhecimento da gravidez.

A norma também não abre exceções para gravidez resultante de estupro ou incesto e permite que qualquer cidadão apresente uma denúncia de violação.

Com isso milhares de vidas tem sido poupadas, mas também essa lei tem gerado grande descontentamento em quem defende o aborto como saúde pública no Estados Unidos.

Os defensores do aborto alegam que essa lei tem proporcionado deslocamento de mulheres que querem abortar para outros estados.

Os grupos de direitos “femininos”, como a Planned Parenthood e a American Civil Liberties Union (ACLU), entraram com recurso no Supremo do país, pedindo o veto à lei.

Porém a Suprema Corte se recusou a bloquear a nova lei. O placar foi de 5 votos a 4 em setembro de 2021.k

Presidente Joe Biden, defensor do aborto, declarou em junho que “Roe está em votação”. De fato, no dia da eleição, vários governadores republicanos que orgulhosamente assinaram fortes peças de legislação pró-vida foram reeleitos por ampla margem – apesar de enfrentarem oponentes bem financiados.

Isso inclui o governador da Flórida, Ron DeSantis, o governador de Ohio, Mike DeWine, o governador da Geórgia, Brian Kemp, e o governador do Texas, Greg Abbott.

Mas essas leis pró-vida promulgadas recentemente estão realmente salvando vidas? Nova pesquisa diz que sim!


Institute mostra um aumento histórico no número de crianças nascidas no Texas. Isso demonstra que o Texas Heartbeat Act [Lei do batimento cardíaco do Texas] já salvou milhares de vidas.


De fato, antes da decisão de Dobbs, a aplicação do Texas Heartbeat Act em 1º de setembro de 2021 foi uma grande vitória para os pró-vida, marcando a primeira vez desde Roe vs. Wade que uma lei protegendo crianças nascidas muito antes da viabilidade foi permitido entrar em vigor.


O Texas Heartbeat Act teve um impacto imediato de curto prazo no número de abortos realizados no Texas. Dados do Departamento de Serviços de Saúde do Estado do Texas indicam que, entre agosto e setembro de 2021, o número de abortos realizados no Estado da Estrela Solitária caiu mais de 60%.

FONTE: https://www.gazetadopovo.com.br

Print Friendly, PDF & Email

Joice Maria Ferreira

Colunista associada para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre as atualidades sócio-políticas e econômicas da região.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo
Translate »
Brasil 200 anos Brasil luta pela liberdade Séries Netflix tem mais de 1 bilhão de horas assistidas Emancipation – Uma História de Liberdade Wandinha Episódios