fbpx
News

RB: Agricultores familiares aprendem sobre manejo higiênico da ordenha

Compartilhar

A palestra no Sítio Agroecológico da Emater-RN, “Manejo Higiênico na Ordenha”, ministrada pelo médico veterinário da instituição, Alinson Petri, trouxe dicas aos agricultores familiares que vieram nas caravanas desta quarta-feira, dos territórios Sertão Central, Mato Grande e Agreste Litoral Sul.  

Segundo o médico veterinário da Emater, na pecuária uma das práticas mais importantes que devem ser seguidas pelos produtores de leite refere-se à ordenha higiênica dos animais, que está diretamente relacionada à qualidade do produto e ao retorno econômico que a atividade deve proporcionar.

Isso porque a qualidade do leite está intimamente ligada a uma ordenha de qualidade, na questão higiênica. Não adianta a indústria investir em melhoras no processo de fabricação ou em novos produtos, se a matéria-prima não for de boa qualidade, pois gera prejuízo ao produtor, à indústria e ao consumidor. “O que se busca é um produto de qualidade, que deve ter como foco a questão sanitária e a máxima diminuição de microrganismos”, comenta o veterinário.

Para disseminar esses conhecimentos, a Emater-RN oferece cursos, dialoga com os produtores e mantém os escritórios de portas abertas para os agricultores familiares. Os cursos oferecidos pela instituição são simples, práticos e com uma dinâmica atrativa, e com dicas preciosas para os produtores.

Na palestra, por exemplo, o veterinário ensinou os dez passos para a ordenha higiênica e como evitar doenças, como a mastite. Um dos segredos é evitar o stress do animal.

“Após a ordenha, orientamos os produtores a manterem os animais por cinco minutos no mesmo local, oferecendo a eles alimentação. A ideia é que não se deitem imediatamente, pois os tetos permanecem abertos após a ordenha e podem ser contaminados ao terem contato com o solo”.

Para os produtores que tiverem acima de 20 cabeças de gado, o veterinário recomenda o investimento na ordenha mecânica. “Com cinco mil reais, o produtor pode comprar um carrinho de ordenha, que vai favorecer muito o seu trabalho e garantir maior higiene ao processo. Mesmo assim, é necessário fazer a manutenção do equipamento constantemente, para garantir essa higienização”, ensinou Petri.

Fonte: Governo do Rio Grande do Norte


Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo
Translate »
Brasil 200 anos Brasil luta pela liberdade Séries Netflix tem mais de 1 bilhão de horas assistidas Emancipation – Uma História de Liberdade Wandinha Episódios